quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

suspeito..

de gajos que vão à casa de banho em bando. Aos montes, em grupos de seis, aos pares, eu suspeito sempre. Numa casa de banho onde há dois urinóis, duas sanitas e estão lá dentro 6 ou 7 gajos a falar uns com os outros, enquanto uns fazem o serviço e outros esperam, é suspeito, muito suspeito. Se há coisa que não faz sentido é fazer fila enquanto os amigos deitam a urina fora e ainda por cima falar com eles. Eu só pergunto, porquê ?  Não sei, mas ter uma conversa com alguém que está de pila na mão deve ser estranho. Se dois já é esquisito e raro, um bando de seis ainda é mais esquisito. É algum gang ou quê ?
Para mim, o momento de urinar é sagrado. Silêncio dourado (alguem percebeu a metafora?) enquanto se ouve o barulho próprio. Conversa enquanto se lavam as mãos já se aceita em circunstâncias especiais. Mas quando a casa está 'sobrelotada', com gente a mais do que o devia, é estranho, estúpido.


Hoje bati no fundo, escrevi sobre mijo.

7 comentários:

IsabelCarvalho disse...

ahahah tá bom tá :D
Também ainda não entendi porque é que os rapazes vão á casa de banho juntos (ainda por cima acho que aquilo é tipo "aberto" enquando as casas de banho das raparigas são mini quartos com sanitas). Esquisito mesmo xDD E entendi a metáfora eheh

José Carlos disse...

não é pior com as raparigas?

Honey Everly Rose. disse...

ahaha, este post esta um máximo. xD
e o gif é tao ficheeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeee. a única altura em que desejei ser gajo e ter uma pila para experimentar aquilo, ahah. x'D

Mariana disse...

ahaha, adoro os teus posts :p

Honey Everly Rose. disse...

a minha mãe tinha um chilique. xD

MADU disse...

Nós raparigas também temos dessas, vamos sempre em peregrinação para as casas-de-banho. E a cena da metáfora? Não entendi mesmo, lol.

Inês disse...

Aquela metáfora Luís! xD
Nem acredito !