sábado, 25 de dezembro de 2010

Portugal e os seus costumes IV

O português tem uma mania parva que eu notei que é de tentar remediar sempre que algo não está como deveria estar. Mas tenta remediar por preguiça e por parvoíce, dado que o melhor a maior parte das vezes é começar de novo, mas enfim. Nota-se isto muito no Governo, por exemplo, há uma coisa que é proposta e sendo que não sai bem à primeira eles mexem naquilo, cada um dá o seu jeitinho e complicam lá a coisa toda. É como nós quando vamos na estrada, a conduzir e nos enganamos no caminho, em vez de voltarmos logo para trás, temos tendência a inventar novos caminhos e trilhos que fazem com que fiquemos cada vez mais perdidos. Não será mais fácil cair na realidade e admitir que nos perdemos e voltar para trás? Isto sou eu a falar claro. Nem sempre funciona assim. 'todos os caminhos vão dar a Roma', ok, boa , e se eu não quiser ir para Roma ?! Pois, aí é que a coisa fica toda fodida.

2 comentários:

filipa disse...

é tão verdade !

Catarina disse...

Vou enviar pimenta para esses lados ó tigre! :p Isso de ficar perdido é fixe, mas pronto, claro que custa sempre admitir que erramos. (: